Tima baiano busca crescimento em médio e longo prazo

Tima baiano busca crescimento em médio e longo prazo

O Vitória está voltando gradativamente ao planejamento traçado no início do ano. Com a inesperada chegada da equipe às finais da Copa Kia do Brasil, as ações pensadas em janeiro tiveram de ser colocadas em segundo plano para aproveitar o bom momento. Agora, depois da perda do título e com o decorrer do Campeonato Brasileiro, o time retoma o plano inicial e busca atingir o público infantil.

O clube baiano se baseia em pesquisas para afirmar que, entre torcedores com até dez anos, é muito superior a rivais como Bahia. "Segundo nossa análise, nosso maior potencial de crescer em demanda para produtos licenciados está nesse público", explica o diretor de marketing do Vitória, Ricardo Azevedo, à Máquina do Esporte. "Para adultos temos vários produtos, mas para crianças, não".

Para cumprir esse objetivo, a direção do time rubronegro criou um espaço no estádio Barradão dedicado às crianças. Os pais que vão à arena para assistir às partidas podem deixar os filhos nesse local, ornamentado com personagens infantis e televisões. Os responsáveis não pagam para deixar as crianças nesse lugar, mas terão à disposição produtos licenciados específicos para elas à venda.

No site oficial do Vitória, ainda será criado uma área exclusiva para torcedores mirins, com linguagem adequada e conteúdo interativo. Em todos as ações, tanto em site quanto no Barradão, serão usados personagens criados especificamente para o time baiano. O responsável pelos desenhos é o cartunista e escritor Luis Augusto, do estúdio Fala Menino.

A expectativa, contudo, é que os frutos do trabalho com público infantil sejam colhidos somente em médio e longo prazo, de acordo com o diretor de marketing. "A estratégia não é impactante em um primeiro momento, mas tem consistência para durar bastante", explica. Em curto prazo, diz Azevedo, o maior benefício será o aumento de vendas de licenciados.

Conheça planejamento de rival com similar objetivo:

Coritiba tenta maior alcance entre mulheres e crianças


Notícia Futebol Nacional Marketing Vitória