França e Bélgica entram em campo para definir uma vaga na final da Copa. E a classificação de qualquer uma das duas será a consagração de uma grande geração.

Confira a análise de Erich Beting, CEO da Máquina do Esporte.


Notícia Copa do Mundo França Bélgica marketing mídia mercado geração gestão planejamento semifinal