No próximo domingo (3), o New England Patriots tentará o sexto título do Super Bowl neste século. O desequilíbrio, uma marca que os americanos fazem de tudo para ser amenizada, não está apenas na liga de futebol americano. Nos últimos anos, Boston, uma cidade de 600 mil habitantes, aprendeu a ser o centro do esporte no mais rico mercado esportivo do mundo.

Além do sucesso do Patriots, a cidade conta com o atual campeão da MLB, o Boston Red Sox, que já venceu o torneio quatro vezes neste século. O Boston Celtics, maior campeão da NBA, e o Boston Bruins também já venceram no período.

Foto: Reprodução

Em conversa com a Máquina do Esporte, o editor de esporte do jornal "The Boston Globe", Matt Pepin, ponderou o porquê do sucesso da cidade. Sem um padrão bem definido que explique a ascensão dos times, o jornalista acredita que, aliada à cultura esportiva, a mentalidade vencedora tem sido um caminho natural.

"No aspecto financeiro, há algo simples: vencer é bom para os negócios. E hoje os times não competem apenas com os adversários, mas com os outros times da cidade. Todos querem saber quem será o próximo a vencer. Ganhar é contagioso".

Por trás dos times, há grupos de investidores que colocaram as equipes nesse caminho. No Patriots, por exemplo, o Kraft Group chegou na metade da década de 1990 e foi responsável, entre outras coisas, por modernizar o Gillette Stadium.

No caso do Red Sox, os novos compradores chegaram alguns anos depois. Com o time, o empresário John Henry cresceu e fundou o Fenway Sports Group. Hoje, estão na mão do executivo o Liverpool, da Inglaterra, e o próprio "The Boston Globe".

"Graças aos novos donos, os times de Boston se tornaram mais atrativos para os grandes jogadores. Eles conseguem reunir os atletas de ponta e os atletas mais jovens, que querem ser bem-sucedidos nas ligas", afirmou Matt Pepin.

Boston, por sinal, não será a única cidade em evidência no esporte americano na temporada. O evento terá o Los Angeles Rams em campo, que pode vingar a derrota sofrida pelo Los Angeles Dodgers no World Series de 2018, vencido pelo Red Sox. A sucessão de duelos tem revivido a rivalidade entre as duas regiões; nos anos 1980, foram o Celtics e o Lakers os responsáveis por acirrar as disputas.

Com o bom momento nas ligas, os torcedores de Boston têm adotado o lema "Beat LA" ("derrote Los Angeles") em cartazes e gritos. A vitória seria a consagração da cidade no esporte e na rivalidade histórica.


Notícia Boston New England Patriots marca cidade marketing negócios mercado americano mercado esportivo NFL Super Bowl