O Strava lançou, nesta quarta-feira (25), uma ferramenta para quando a pandemia do coronavírus passar e o dia a dia dos corredores e ciclistas voltar ao normal. Batizado de "Rotas", o novo recurso da rede social promete ajudar os atletas a descobrir os melhores lugares para correr e pedalar com base na inteligência de dados de 50 milhões de conectados.

Foto: Divulgação / Strava

A ideia é simples: com mais de 3 bilhões de atividades carregadas em todo o mundo, o Strava usará as informações para oferecer recomendações de caminhos com a melhor qualidade possível e que sejam alinhadas às preferências dos atletas quanto a localização, distância, tipo de superfície (pavimentada ou de terra) e terreno (plano ou com subidas).

A informação sobre o tipo de superfície do terreno, por exemplo, é fornecida com a colaboração do "OpenStreetMap", o maior conjunto de dados de mapas de código aberto do mundo, e aprimorada com os dados da comunidade Strava, incluindo os tipos de quadros de bicicleta usados em um determinado segmento.

Outros recursos que os atletas podem usar para obter informações detalhadas sobre as rotas incluem estimativas de tempo baseadas no ritmo recente de atividades, personalizadas para cada atleta; tela de detalhes mostrando variações no terreno e na elevação; e sobreposição opcional do "Heatmap" para ver a popularidade em qualquer seção específica de uma rota.

De acordo com a rede social, depois que os atletas encontram uma rota de que gostam, basta salvá-la para navegá-la direto do aplicativo Strava quando quiserem. No lançamento, o aplicativo deixou claro que apoia as recomendações das autoridades de saúde para que as pessoas se mantenham em casa e utilizem o novo recurso apenas quando a situação mundial se normalizar.


Notícia Strava aplicativo redes sociais estratégia marketing mercado ferramenta recurso Rotas