Um erro técnico fez o Paris Saint-Germain piratear o próprio jogo na Liga dos Campeões, na França. O sinal da partida entre a equipe parisiense e o Manchester United foi exibido na página do clube no Facebook.

Foto: Reprodução / Twitter (@KMbappe)

Com a transmissão, o PSG furou a exclusividade que a RMC mantém no mercado francês com a Liga dos Campeões. Em nota, a emissora mostrou irritação com o caso: "Nós queremos todas as explicações do PSG e do Facebook após essa violação de direitos de transmissão. Colocamo-nos no direito de pedir todas as reparações necessárias".

Segundo o PSG, o problema ocorreu por uma falha na geolocalização do Facebook. Originalmente, o sinal da partida na página da equipe era para o Brasil, em jogo que a rede social tinha direito para o território nacional.

"As equipes do Facebook estão trabalhando para esclarecer os eventos que se desdobraram para que isso não aconteça novamente", afirmou o clube, em nota.

O clube explicou que a transmissão por meio da página da equipe francesa foi um pedido do próprio Facebook, que detém os direitos de transmissão da Liga dos Campeões. O link na página do PSG foi uma ação de crossposting, mas o sinal deveria ficar limitado ao território brasileiro.

O Facebook tem o direito da Liga dos Campeões desde o início da atual temporada. A rede social negociou com a Uefa para ser a única mídia gratuita com o torneio europeu no Brasil; a medida tirou a disputa da Globo na rede aberta.


Notícia Paris Saint-Germain PSG liga dos Campeões Facebook direitos de transmissão sinal pirata mídia erro técnico