Imagine uma corrida de automóveis com mais de 40 carros de diferentes categorias prontos para largar e, na arquibancada, um público que foi acompanhar o evento depois de ter passeado pelos boxes e interagido com os pilotos.

A abertura da 15ª temporada da Porsche GT3 Império Cup vai testar, pela primeira vez, o formato de abertura total da arquibancada ao público e a junção de todos os carros no grid. O objetivo é permitir mais ativação de patrocínios e, também, de dar mais emoção para o torcedor que for até o Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

"Nossos números de audiência na TV e da transmissão na internet, e a resposta dos torcedores nas arquibancadas, mostram que uma corrida com 40 carros tem mais apelo que duas com 20", disse Regina Franzé, diretora de eventos da categoria.

Foto: Divulgação

Tendo o title sponsor da cerveja Império, a Porsche GT3 procura criar ativações personalizadas aos parceiros para ampliar o retorno da categoria, segundo Regina.

"Nosso principal diferencial é a capacidade de realizarmos ativações customizadas para as marcas apoiadoras. Há uns anos montamos na operação receptiva do Porsche Lounge no GP Brasil de F1, dentro da nossa sede, um posto Shell. Os convidados deixavam seus carros, iam de van para a pista e, na volta, recebiam seus carros com o tanque cheio de combustível V-Power Racing", contou a executiva.

Para ela, a grande vantagem é o fato de a Porsche GT3 ser um único time, que é responsável pela gestão de todo o evento, desde os pilotos até os patrocinadores.

"Meu time que recebe o briefing é o mesmo que vai executar o plano. Não temos que ficar pedindo autorização para várias instâncias até fazer acontecer o que quer o patrocinador. Temos agilidade no atendimento", finalizou a executiva.


Notícia Porsche GT3 Império marketing patrocínio ações ativações mercado automobilismo