Fornecedora oficial mantém homenagem ao vôlei em segredo

Fornecedora oficial mantém homenagem ao vôlei em segredo

A Olympikus, fornecedora de materiais esportivos oficial da seleção brasileira de vôlei, mantém em absoluto sigilo detalhes da surpresa que planeja colocar em prática para homenagear a equipe, que conquistou o tricampeonato Mundial no início de outubro, na Itália.

A ação ainda poderá ser repetida com a seleção feminina, caso as atletas brasileiras conquistem o Mundial da modalidade, a ser disputado em Frankfurt. A equipe, atual campeã olímpica, irá enfrentar o Quênia na próxima sexta-feira (29), início da trajetória pelo título inédito.

A homenagem às seleções após conquistas expressivas é prática comum na Olympikus. Quando o time feminino venceu os Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, a empresa desenvolveu linha de joias personalizadas, com nomes e números, para entregar às campeãs.

Os outros dois títulos mundiais amealhados pela equipe masculina nos últimos anos, ainda, incentivaram a criação de um jogo eletrônico intitulado Super Vôlei Brasil. Em 2008, a empresa fez parceria com a agência AG2 para lançar a primeira versão do game, e em 2009 divulgou a segunda edição, criada pela Aquiris Game Experience.

A Olympikus é patrocinadora da seleção brasileira de vôlei desde 1997. Individualmente, também fez aportes a jogadores como Murilo, Giba, André Nascimento e Serginho e aos técnicos Bernardinho e José Roberto Guimarães.


Notícia Volei Marketing Olympikus