A Liga Nacional de Futebol Feminino (NWSL, na sigla em inglês) anunciou, na última sexta-feira (2), a renovação do contrato com a Nike, que manterá a marca americana como fornecedora exclusiva de uniformes e equipamentos até 2022. Com isso, a parceria chegará a uma década, já que a fabricante esportiva assinou com a liga em 2012, sendo um dos patrocinadores fundadores do torneio naquele ano.

Com a renovação, a Nike mantém o foco no público feminino, estratégia revelada pela Máquina do Esporte na semana passada. A marca, inclusive, desafia a história com o novo olhar que está revelando sobre o futebol.

Foto: Reprodução / Twitter (@NWSL)

"O relacionamento com a Nike está alinhado com os nossos objetivos de fortalecer o nível de competição, bem como apoiar e desenvolver atletas do sexo feminino à medida que continuam treinando e jogando no mais alto nível", afirmou Amanda Duffy, presidente da NWSL.

"Estamos empenhados em ajudar a desenvolver e crescer o jogo, e orgulhosos de continuar a parceria, tanto em apoio às jogadoras como à crescente base de fãs", destacou Michelle Lobo, gerente geral da Nike para o futebol dos EUA.

A extensão do contrato segue a realização de uma bem-sucedida Copa do Mundo Feminina da Fifa no mês passado. A seleção americana acabou como campeã do torneio pela quarta vez, com diversas atletas que atuam na NWSL como protagonistas.

Para se ter uma ideia, durante o torneio, a Nike anunciou que havia vendido mais camisetas da seleção feminina americana em uma única temporada em seu site oficial do que qualquer outra camisa na história da empresa. Além dos EUA, cerca de dois terços das 24 equipes envolvidas no torneio usavam uniformes da Nike, entre elas o Brasil.


Notícia Nike NWSL futebol feminino EUA renovação contrato marketing mercado estratégia patrocínio gestão