Um fato raro na história da NFL ocorreu nesta quarta-feira (14). A partida entre Kansas City Chiefs e Los Angeles Rams, que seria disputada no lendário Estádio Azteca, no México, na próxima segunda-feira (19) foi mudada de local e será em Los Angeles. O motivo: as péssimas condições do gramado do estádio mexicano.

A decisão da liga de futebol americano foi tomada após uma inspeção do campo feita por alguns especialistas da NFL, em conjunto com especialistas externos locais e independentes. Houve ainda uma consulta à Associação de Jogadores da NFL (NFLPA). Todos foram unânimes: o gramado do Estádio Azteca está bem abaixo dos padrões de jogo da liga.

Para se ter uma ideia, a ESPN chegou a informar que, caso a decisão não tivesse sido tomada, os jogadores se recusariam a entrar em campo por considerarem o gramado perigoso demais para a prática do esporte.

Foto: Reprodução / Site (espn.com)

"Trabalhamos extensivamente com nossos parceiros do Estádio Azteca por meses em preparação para este jogo. Até muito recentemente, não tínhamos grandes preocupações. No entanto, a combinação de uma estação chuvosa difícil e um calendário recheado de eventos no estádio resultou em danos significativos ao campo que, agora, está apresentando riscos desnecessários para a segurança dos jogadores, o que o torna inadequado para receber um jogo da NFL", declarou Mark Waller, vice-presidente executivo internacional da liga.

Vale ressaltar que a NFL tem uma regra que afirma que todas as equipes que abandonam um jogo em casa para jogar internacionalmente são obrigadas a manter seu próprio estádio disponível para uma emergência. Assim, a partida foi remarcada para o LA Coliseum, onde o Los Angeles Rams costuma mandar seus jogos.

Como a data do jogo está muito próxima, o Rams fará ações para encher o estádio. O time oferecerá milhares de ingressos de cortesia para socorristas e para aqueles que foram afetados pelas recentes tragédias no sul da Califórnia. A franquia também planeja honrar os eventos comunitários que estão programados para o México, como uma corrida de caridade de 10K, visitas a hospitais e a construção de um playground.

A mudança de local atrapalha os planos de internacionalização de marca da NFL, que faria seu terceiro jogo no México na próxima semana. Em 2016, o Oakland Raiders bateu o Houston Texans por 27 a 20, enquanto o New England Patriots venceu o mesmo Oakland Raiders por 33 a 8 em 2017. Com o sucesso dos dois eventos, a NFL estendeu o contrato com o Ministério do Turismo do México até 2021. O jogo que acaba de ser cancelado seria o primeiro deste novo acordo.


Notícia NFL México internacionalização marca cancelamento Estádio Azteca marketing mercado Chiefs Rams