A NBA anunciou, nesta quarta-feira (2) um acordo com a casa de apostas on-line William Hill, o primeiro da liga americana de basquete desde maio do ano passado, quando a Suprema Corte dos EUA revogou a lei federal que proibia apostas esportivas on-line em qualquer estado, exceto Nevada, onde fica Las Vegas.

Como parte do acordo, a William Hill terá o direito de usar dados oficiais de apostas da NBA e marcas da liga em suas plataformas móveis. A casa de apostas ainda terá ampla visibilidade em todas as mídias digitais e sociais do principal campeonato de basquete do mundo.

Foto: Reprodução / Twitter (@warriors)

"A William Hill é uma marca global que atende aos padrões de apostas esportivas e aumentará nossos negócios nos Estados Unidos. Estamos muito satisfeitos em fazer parceria com a William Hill à medida que expandem seus negócios nos EUA e animados em trabalhar juntos para proporcionar uma experiência de classe mundial aos nossos fãs", disse Scott Kaufman-Ross, vice-presidente sênior e diretor de jogos da NBA.

"A NBA é líder em reconhecer os benefícios de um mercado legal de apostas esportivas. Esperamos que este seja o começo de um relacionamento longo e mutuamente benéfico com a liga e suas equipes, pois é criativo e beneficia o cliente", afirmou Dan Shapiro, vice-presidente de estratégia e desenvolvimento de negócios da William Hill.

A William Hill também possui alianças esportivas profissionais que incluem a NHL, o atual campeão Vegas Golden Knights e ainda o New Jersey Devils e o Prudential Center, ginásio da equipe.

De acordo com a American Gaming Association, as apostas esportivas legais podem ajudar a gerar receitas adicionais de quase US$ 600 milhões anualmente para a NBA. Esse valor incluiria US$ 160 milhões como resultado de gastos com operadores de apostas e provedores de dados e US$ 78 milhões com receitas de patrocínio de operadores de jogos. 


Notícia NBA William Hill casa de apostas acordo marketing estratégia mercado