A LaLiga, órgão responsável pela organização das duas principais divisões do futebol espanhol, anunciou, nesta quinta-feira (9), um recorde histórico. Segundo a entidade, os clubes tiveram suas receitas aumentadas em 20,6% em média durante a temporada 2017/2018 e, assim, ajudaram a alcançar € 4,47 bilhões em receitas.

De acordo com a LaLiga, este é o melhor resultado financeiro da história do futebol na Espanha. O lucro bruto atingiu € 945 milhões, enquanto o lucro operacional alcançou € 325 milhões, e o lucro líquido foi de € 189 milhões.

Foto: Reprodução / Twitter @LaLiga)

A própria entidade revelou que o recorde nas receitas posssui dois "culpados": um aumento significativo nas receitas de patrocínio (€ 838 milhões) e o faturamento com transferências de jogadores (€ 1,02 bilhão). Além disso, a La Liga observou que o volume de negócios recebido pelos clubes com direitos de televisão quebrou a marca de € 1,5 bilhão pela primeira vez.

O órgão ainda fez questão de salientar que, com os números positivos, os clubes puderam gastar uma quantia considerável em infraestrutura e jogadores (€ 1,34 bilhão).

"A ideia é que os clubes da LaLiga se afastem de uma situação de dívidas consideráveis, pois, assim, estão sendo derrotados como negócios. Eles agora estão pagando essas dívidas e, com um setor fiscalmente responsável, estão investindo no futuro do futebol espanhol", declarou Keegan Pierce, representante da LaLiga no Reino Unido e na Irlanda, em uma entrevista em Londres.

Em relação às outras principais ligas do futebol europeu, o número alcançado posiciona a LaLiga como a segunda com melhor desempenho do ponto de vista financeiro, atrás apenas da Premier League. No final do mês passado, foi divulgado que a receita combinada dos clubes da primeira divisão inglesa subiu para £ 4,8 bilhões (€ 5,57 bilhões) durante a temporada de 2017/2018, de acordo com um relatório da Deloitte.


Notícia LaLiga futebol espanhol gestão receita faturamento lucro mercado patrocínio direitos de televisão transferência de jogadores