A indefinição do acerto entre Palmeiras e Globo pelos direitos do Campeonato Brasileiro para TV aberta e pay-per-view ganhou um novo ingrediente no último sábado (11), quando a emissora divulgou que levará para o Premiere, o serviço de PPV, a transmissão dos jogos decisivos da Copa do Brasil.

Um comunicado feito pela Globo confirmou que, das oitavas de final em diante, a Copa do Brasil também estará disponível para os assinantes do Premiere. Por trás dessa decisão, estão diferentes forças de atuação, que envolvem a própria Copa do Brasil, a negociação com o Palmeiras pelo Brasileirão e até mesmo a entrada de novas empresas no mercado, como a plataforma de streaming DAZN.

Foto: Reprodução

O motivo mais direto da opção por inserir a Copa do Brasil no PPV é a negociação em curso com o Palmeiras pelo Brasileirão. Pela primeira vez em décadas, apenas o Grupo Globo transmite a competição. Então, é ele que determina quais jogos são transmitidos em quais plataformas (Globo, SporTV ou PPV). Assim, nas oitavas de final, segundo apurou a reportagem, os dois jogos do Palmeiras devem ficar restritos ao PPV na praça em que os jogos acontecem. Com isso, o palmeirense, que vem armando boicote ao Premiere por conta da ausência do time no Brasileiro, pode desistir de cancelar o canal. 

Um exemplo disso já acontecerá na próxima quinta-feira (16). O jogo entre Athletico-PR e Fortaleza será exclusivo do Premiere. O clube paranaense também não tem contrato de PPV. A primeira partida entre Palmeiras e Sampaio Corrêa será no dia 22.

Outra razão para a escolha também tem relação com essa negociação. Ao inserir mais produtos no Premiere, a Globo pode reduzir um questionamento do Procon, de que foi reduzida a oferta de jogos do Brasileiro exibidos na plataforma, mas não se alterou o valor cobrado ao consumidor. Com a inserção de novos jogos, isso muda. Até agora, há relatos pela internet de que alguns torcedores conseguiram desconto no pacote do Premiere ao ligarem para as operadoras para cancelar o serviço.

Em terceiro lugar, a mudança pode gerar mais dinheiro para a própria Globo. A entrada da Copa do Brasil no Premiere impulsionaria novos compradores. O jogo entre Atlético-MG e Santos nesta quarta-feira (15), por exemplo, será exclusivo da plataforma em Minas Gerais. A ideia é estimular a compra da partida avulsa na região.

Por fim, o próprio incremento do Premiere é uma resposta ao avanço do DAZN no Brasil. Na semana passada, o grupo internacional anunciou o lançamento de sua plataforma ao custo mensal de R$ 37,90. O serviço do Premiere direto ao consumidor é de R$ 79,90 e contemplava, até então, apenas o Brasileirão das Séries A e B e alguns estaduais. A Copa do Brasil pode iniciar uma nova era no sistema.


Notícia Palmeiras Globo Premiere Copa do Brasil pay-per-view estratégia mídia marketing esportivo mercado consumidor DAZN