A classificação dramática do Flamengo sobre o Emelec, que só veio após a disputa de pênaltis, garantiu o time carioca nas quartas de final da Libertadores e também alcançou a melhor audiência do torneio na Globo em 11 anos para o RJ. A partida chegou a 43 pontos de média, o melhor número desde o segundo jogo da final de 2008, entre Fluminense x LDU, que bateu 47 pontos.

Outra comparação que chama atenção é que o jogo foi a segunda melhor audiência do futebol na Globo no ano, perdendo apenas para a semifinal da Copa América entre Brasil e Argentina, que alcançou 45 pontos. Flamengo x Emelec teve 61% de participação entre os televisores ligados, outro número bastante relevante.

Foto: Alexandre Vidal

Por força do novo contrato com a Conmebol, a Globo exibiu o duelo para todo o Brasil, assim como já havia feito na partida de ida, na semana passada. Em São Paulo, a média de audiência foi bem menor, com 25 pontos e 39% de participação, mas, mesmo assim, foi a segunda melhor do torneio no ano, atrás apenas do confronto entre São Paulo e Talleres ainda na fase pré-Libertadores.

Na semana passada, a derrota flamenguista no jogo de ida havia garantido 34 pontos à Globo no RJ e 23 pontos em SP.

Segundo a medição do Ibope, cada ponto de audiência medido equivale a 73.015 residências (ou 200.766 pessoas) na Grande São Paulo. No Rio de Janeiro e região metropolitana, cada ponto é equivalente a 46.175 residências (ou 118.440 telespectadores).


Notícia Flamengo Libertadores Globo Emelec audiência mídia transmissão recorde mercado