O Flamengo tem um novo patrocinador máster. O clube carioca anunciou de forma oficial na manhã desta sexta-feira (22) que assinou com o BS2, ex-Banco Bonsucesso (de 1992 a 2017), que se tornou um banco digital com sede em Belo Horizonte (MG). O contrato, que vai até dezembro de 2020, ainda precisa ter a aprovação do Conselho Deliberativo do clube.

De acordo com o site do próprio Flamengo, o clube "estima, de forma conservadora, uma arrecadação anual superior a R$ 30 milhões". O valor ultrapassaria em 20% o contrato que o time carioca tinha com a Caixa Econômica Federal, que deixou o futebol em 2019.

Já segundo o site do jornal O Globo, o valor fixo do patrocínio é de R$ 15 milhões. O resto viria de variáveis, em especial do número de contas abertas por torcedores flamenguistas.

Gabriel Pentagna Guimarães, diretor-presidente do BS2 (à esquerda), Rodolfo Landim, presidente do Flamengo (centro), e Rodrigo Pentagna Guimarães, vice-presidente comercial do BS2 (à direita). (Foto: Marcelo Cortes / Flamengo)

"Desenvolvemos esse modelo de contrato com o BS2 porque, além de conhecer a seriedade e a qualidade dos serviços do banco, sabemos a força da nação rubro-negra. Tenho certeza de que a nossa torcida vai abraçar esta parceria", declarou Rodolfo Landim, presidente do Flamengo.

"Estamos muito felizes com a oportunidade de unir as nossas marcas na grande paixão dos brasileiros, o futebol. O Flamengo é um dos maiores clubes do mundo, com mais de 40 milhões de torcedores apaixonados em todo o país. Nossa expectativa é que essa parceria seja um sucesso para o clube, para o Banco BS2, e que traga muitas alegrias para o torcedor rubro-negro", afirmou Gabriel Pentagna Guimarães, diretor-presidente da instituição financeira.

O site do clube ainda afirma que "o patrocínio incluirá o Flamengo no promissor mundo digital dos bancos, seguindo a tendência mundial". No Brasil, o clube é o quinto a fechar um aporte máster com um banco digital em 2019, todos com modelos muito parecidos. Corinthians, Atlético Mineiro e Vasco assinaram com o BMG, enquanto o Cruzeiro firmou contrato com o Banco Renner.

Além deles, o São Paulo também possui um acordo do tipo, com o Banco Inter. As instituições financeiras ainda figuram nas camisas de Palmeiras (Crefisa) e de Grêmio e Internacional (Banrisul).


Notícia Flamengo Banco BS2 patrocínio máster marketing banco digital mercado