A disputa entre Flamengo e Globo pelos direitos de transmissão do futebol levou o clube a usar esse argumento para se defender das críticas feitas pelo apresentador Fausto Silva, o Faustão, sobre a demora flamenguista em indenizar famílias dos meninos mortos no incêndio ao CT do time, há um ano.

LEIA MAIS: EXCLUSIVO: Flamengo quer R$ 81 milhões da Globo

LEIA MAIS: Verba do pay-per-view trava Flamengo no Estadual

LEIA MAIS: Análise: Entrave pode pôr "pá de cal" no Cariocão

LEIA MAIS: Após reunião, Flamengo vai à Justiça contra a Globo

LEIA MAIS: Um ano de incêndio aumenta crise de imagem no Flamengo

LEIA MAIS: Análise: Flamengo perdeu empatia em tragédia

No último domingo (9), em seu programa na Globo, Faustão fez duras críticas ao comportamento do clube de não se preocupar com as famílias: "É inadmissível, indecente o comportamento dos diretores do Flamengo no caso do incêndio. O problema não é dinheiro, até porque dinheiro algum vai trazer as vidas de volta. O problema é principalmente de caráter, de ter a sensibilidade, um tanto de humanismo. Como é que esses dirigentes conseguem chegar em casa e olhar os filhos, e olhar os netos, sem nenhum respeito a quem perdeu as crianças", indagou o apresentador.

Foto: Reprodução / TV Globo

Na noite desta segunda-feira (10), em nota oficial, o Flamengo atacou o apresentador, acusando-o de ter sido leviano ao fazer as críticas em seu programa. O clube listou uma série de ações que já fez para apoiar as famílias das vítimas. Por fim, ainda acusou Faustão, conhecido por seus discursos inflamados em algumas ocasiões, de ter feito o comentário a mando da emissora com quem o clube trava uma disputa relativa à repartição dos valores pagos pelos direitos do Campeonato Carioca.

"Todos estes pontos (de auxílio às famílias) poderiam ser facilmente levantados pela equipe de produção da Rede Globo de Televisão antes das acusações. Como isto não foi feito, infelizmente nos leva a crer que tamanha agressividade tem como pano de fundo interesses comerciais não atendidos e que se sobrepõem ao trabalho de informar corretamente aos telespectadores", afirmou o clube, na nota.


Notícia Faustão Globo Flamengo Campeonato Carioca Ninho do Urubu incêndio direitos transmissão mídia bastidores entrave mercado