Grande febre dos Jogos Olímpicos, as casas de relacionamento montadas por países e patrocinadores no Rio de Janeiro inspiraram uma ação similar feita pelo Flamengo. Na última quarta-feira, o clube usou o jogo contra o Santos, válido pelo Campeonato Brasileiro, para inaugurar a Casa Flamengo, no salão nobre da Gávea, sede rubro-negra.

O espaço foi criado para atender apenas aos associados do Flamengo e somente durante os Jogos Olímpicos, mas foi usado pela primeira vez para criar uma ação envolvendo o meia Diego, recém-contratado pela equipe.

O atleta esteve na casa durante a exibição da partida, em ação que contou também com a presença dos 30 sócios-torcedores mais antigos do programa Nação Rubro-Negra.

A Casa Flamengo ficará aberta das 9h às 22h durante todo o período olímpico e terá capacidade para abrigar até 250 convidados. Além de promover a exibição de todas as competições dos Jogos, o espaço terá ações especiais durante partidas do Flamengo pelo Campeonato Brasileiro e, também, nas competições envolvendo atletas do clube nas Olimpíadas.


Notícia Flamengo Marketing Sócio-torcedor Rio 2016 Jogos Olímpicos