A derrota da Argentina para a Croácia por 3 a 0 rendeu o recorde de audiência de uma transmissão em espanhol por streaming nos Estados Unidos. Segundo dados divulgados pela Fifa, a derrota argentina por 3 a 0 foi vista por um total de 4,3 milhões de pessoas, tornando-se o maior evento exibido em espanhol por streaming nos Estados Unidos em toda a história.

Foto: Reprodução

No mesmo dia, quinta-feira (21), a Telemundo, que detém os direitos de transmissão da Copa em espanhol, também conseguiu um recorde no streaming. Foram 6,6 milhões de usuários únicos durante o dia de cobertura do Mundial, com 725 milhões de minutos de visitação.

O Mundial da Rússia tem consagrado uma nova maneira de o torcedor acompanhar evento esportivo ao vivo ao redor do mundo. O streaming tem alcançado índices cada vez mais altos em diversos países, confirmando uma tendência que era apontada pelo mercado antes do início da Copa.

Nos Estados Unidos, cuja seleção não foi para o Mundial, alguns duelos têm tido bons resultados no streaming. De acordo com dados coletados pela Conviva, que faz medições de streaming para veículos como Fox, Telemundo, Sky, NBC e Hulu, as transmissões dos jogos da primeira rodada da fase de grupos atraíram 40% a mais de visualizações do que a final da NFL, o Super Bowl, recordista anterior.

O duelo entre Argentina e Islândia alcançou um pico de audiência de 7,7 milhões de pessoas. O Super Bowl havia obtido um pico de 5,5 milhões de espectadores.

Na Inglaterra, a BBC atingiu mais de 3 milhões de fãs em sua plataforma de streaming iPlayer durante a vitória do English Team sobre a Tunísia por 2 a 1. A partida se tornou a maior audiência on-line da emissora em toda a história.

Na Suécia, a SVT, que detém os direitos via streaming da Copa, conseguiu 1,52 milhão de visualizações de vídeo na vitória sobre a Coreia do Sul, mais um recorde histórico.


Notícia Copa do Mundo audiência streaming marketing mídia espanhol Argentina Croácia