A construtora Patriani anunciou que será a nova patrocinadora do Vôlei Renata, equipe que disputa a Superliga masculina. O patrocínio foi fechado após um "tira-gosto" que a empresa obteve durante as finais do Campeonato Paulista e terá validade durante toda a temporada de 2020.

Além da exposição de marca na camisa da equipe, a construtora quer usar os embaixadores do time para ações de ativação e promoção de lançamentos de empreendimentos.

Foto: Divulgação

"Viemos para ficar em Campinas e queremos nos envolver com a cidade, que está entre as mais populosas do Brasil. Acreditamos no esporte, e o vôlei da cidade é uma referência nessa categoria. Estamos muitos felizes e orgulhosos em aliar nossa marca a essa cidade tão especial que é Campinas", disse Valter Patriani, diretor da construtora, em nota.

A intenção da empresa é usar as imagens de Maurício Lima, levantador bicampeão olímpico em 1992 e 2004, e André Heller, ouro em 2004 e prata em 2008, para ações com o público. Além disso, as redes sociais do Vôlei Renata serão usadas para promover lançamentos da construtora.

Com o aporte, o Vôlei Renata chega a seu oitavo patrocínio. Além da Selmi Alimentos, que dá nome ao time por meio da marca de macarrões Renata, a Unimed Campinas, a Sanasa (rede de saneamento de Campinas), a empresa de apostas Betsul, a provedora Americanet, a rede Supermercados Goodbom e o CDE (diagnósticos por imagem) apoiam o time, que atualmente ocupa o quinto lugar na tabela da Superliga masculina.


Notícia Vôlei Renata Patriani construtora ativações patrocínio marketing vôlei estratégia mercado