A Fifa, entidade máxima do futebol mundial, decidiu fazer como muitas empresas de mídia espalhadas pelo mundo e liberar conteúdo de arquivo que normalmente não está disponível a todos os fãs. Com isso, o órgão dá mais uma possibilidade aos apaixonados por futebol e incentiva as pessoas a ficarem em suas respectivas casas.

LEIA MAIS: Coronavírus: veja cronologia da pandemia no esporte mundial

Batizada de #WorldCupAtHome, a iniciativa da Fifa terá a exibição de mais de 30 partidas históricas no site oficial da própria entidade e também em seu canal no YouTube, além da rede social Weibo na China. As transmissões tiveram início no último sábado (21).

Espanha e Holanda se enfrentaram no dia 13 de junho de 2014, na Arena Fonte Nova, em Salvador (Foto: Reprodução / YouTube (FIFATV))

De acordo com a Fifa, os próprios fãs terão a oportunidade de votar, por meio das mídias sociais da entidade, nos jogos de Mundiais que desejam assistir. O catálogo à disposição possui partidas masculinas e femininas, com as respectivas fichas técnicas. A estreia foi com a goleada da Holanda sobre a Espanha por 5 a 1, na Copa do Mundo de 2014, disputada no Brasil. 

Por último, a Fifa quer incentivar também interações entre os fãs. Para isso, durante as exibições das partidas, haverá oportunidade de envolvimento por meio de bate-papo ao vivo no YouTube. Os apaixonados por futebol ainda poderão escolher e votar em seus momentos favoritos dentro dos jogos transmitidos. Entrevistas com alguns dos maiores nomes da história do futebol mundial também serão liberadas. 


Notícia Coronavírus Covid-19 pandemia futebol arquivo Fifa Copa do Mundo YouTube redes sociais mídias sociais transmissão mídia