Uma das iniciativas que mais movimentaram o mercado em 2017 não terá continuidade neste ano. O Coritiba anunciou acordo com a Globo para o Campeonato Paranaense e, dessa maneira, não repetirá o clássico contra o Atlético Paranaense com transmissão exclusiva para a internet.

O novo acordo com a Globo será válido pelas duas próximas temporadas, e os valores não foram revelados. Em 2017, a recusa de parceria surgiu após a proposta da emissora especulada em R$ 1,5 milhões, menos do que foi fechado para os anos anteriores.

Mesmo sem divulgar o valor do acordo, o Coritiba deixou claro que a decisão foi financeira. Sob nova gestão, o clube tenta diminuir gastos de outros anos, especialmente após ser rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro.

“A transmissão do Campeonato Paranaense na TV gera retorno financeiro direto e indireto para o clube. Direto com a cota de transmissão, indireto com patrocínio, publicidade e até mesmo exposição de nossos atletas para o mercado do futebol. Tudo isso pesou na decisão, principalmente sendo este um momento de dificuldade financeira para o Coritiba”, afirmou o novo mandatário da equipe, Samir Namur, em nota divulgada no site oficial do clube.

Em 2017, apenas os dois clássicos contra o Atlético Paranaense tiveram transmissão, mas foi sem televisão. Ambos os clubes não aceitaram o acordo com a Globo e resolveram contratar uma produtora para exibir o jogo via streaming, inclusive a decisão do torneio que deu o título à equipe do Couto Pereira. Com boa audiência e repercussão, a experiência foi bem-sucedida.

No entanto, o Coritiba afirmou em nota que a transmissão própria pela internet “ainda não é uma realidade em termos financeiros”. Além disso, o clube lamentou a ausência de outras partidas ao longo do primeiro semestre, o que diminuiu a exposição de patrocinadores e a promoção de eventos.

A Máquina do Esporte procurou também o Atlético Paranaense para falar sobre a posição do time nas conversas do rival com a Globo. A comunicação do clube afirmou que não há negociação com a emissora e que a equipe permanecerá sem partidas exibidas no Campeonato Estadual.

Com esse posicionamento, a Globo corre o risco de ficar sem os direitos de transmissão na decisão do torneio, com o possível clássico entre Atlético Paranaense e Coritiba, como aconteceu em 2017. Os rubro-negros, no entanto, deverão jogar o torneio com um time sub-23, como já ocorreu em anos anteriores.

 


Notícia Atletiba Coritiba Globo Streaming