O Corinthians tem um novo patrocinador. O clube apresentou nesta sexta-feira (24) o patrocínio da Foxlux, empresa especializada no segmento de iluminação e materiais elétricos. A marca da companhia ficará exposta na barra traseira da camisa do time.

Com o objetivo de estar entre as cinco maiores empresas de seu segmento no mercado brasileiro, a Foxlux já havia apostado no esporte em outras oportunidades, ainda que o Corinthians seja a iniciativa mais vistosa da marca até o momento. Os valores, por sinal, não foram divulgados.

Antes do Corinthians, a marca havia fechado com o Paraná Clube, com foco na linha de pilhas alcalinas. Além disso, a Foxlux aposta em projetos esportivos patrocinados por meio da Lei de Incentivo ao Esporte. Para o time paulista, o acordo é válido para a temporada de 2017.

Esse é o segundo patrocínio apresentado pelo Corinthians desde a chegada do novo diretor de marketing do clube, no início deste ano. Fernando Salles exaltou o feito em nota oficial: “Anunciar o segundo patrocínio em uma semana reforça a potência da marca Corinthians mesmo em um cenário ainda instável na economia brasileira”.

Na última semana, o Corinthians já havia apresentado o aporte da Alcatel, marca de celulares que ficará exposta nos ombros do uniforme. Assim como a Foxlux, o contrato assinado é válido para a atual temporada.

Apesar de não revelar os valores, aos jornalistas o diretor Fernando Salles afirmou que a renda do time com os patrocinadores é maior do que vem sido especulado pela mídia. “Não sei onde saiu R$ 64 milhões o valor da camisa. Com os dois que tínhamos e mais a Nike, é muito mais que isso. Com certeza vamos chegar a R$ 100 milhões neste ano. Quando chegarmos, vamos avisar vocês”, afirmou.

Nas próximas semanas, o clube deverá resolver a pendência com a Caixa, patrocinadora máster do time. A empresa quer encurtar o contrato com o time para dezembro, o que diminuiria o valor total do acordo atual. A intenção, no entanto, é manter o repasse mensal inalterado. 


Notícia Corinthians Foxlux