Novos parceiros, nova estrutura corporativa. Após sofrer com escândalos de corrupção, a Conmebol vive um momento diferente no futebol, graças à presença da agência FC Diez Media, a joint venture entre Perform e IMG que, desde o início deste ano, atende à confederação sul-americana.

Neste mês, a agência deu mais uma mostra da força nos bastidores ao levar a Unilever para a Libertadores, em um contrato de quatro anos que envolverá a marca Rexona na principal disputa entre clubes da América do Sul.

E a Unilever não foi a única multinacional levada pela empresa à entidade recentemente. Dias antes, no fim de outubro, a Conmebol anunciou o patrocínio da Qatar Airways, também por quatro anos. Nesse caso, o aporte abrange todas as competições da confederação. As duas marcas se juntaram à Amstel entre os contratos mais recentes. No caso da cervejaria, a negociação foi anterior à FC Diez, mas foi fechada graças à aliança já formada com a IMG.

Foto: Divulgação / Conmebol

Junto aos novos contratos milionários, a FC Diez tem se estruturado na América do Sul. Segundo a Máquina do Esporte apurou, a agência tem um novo diretor de mídia, que será responsável por gerenciar os contratos da Conmebol com diferentes grupos de comunicação. Felipe Aquilino, antigo diretor de direitos esportivos da Turner, assumirá o posto da empresa criada recentemente.

Aos poucos, a FC Diez tem se estabelecido, e a estrutura da agência já está desenhada. Inclusive fisicamente. Felipe Aquilino se juntou ao diretor comercial Gabriel Arias em um escritório em São Paulo. A parte responsável pelo conteúdo digital ficará alocada em Buenos Aires, na Argentina.

A união entre Perform e IMG ganhou a concorrência da Conmebol na virada de 2017 para 2018. As duas agências anunciaram o nome da nova companhia, a FC Diez, em fevereiro. A confederação recorreu à parceria especialmente para as competições de clubes, como a Libertadores e a Sul-Americana, ainda que a empresa já tenha gerado um patrocinador geral para a entidade, caso da Qatar.

LEIA MAIS: Análise: "Caso Conmebol" mostra peso da credibilidade

A FC Diez é responsável pela venda dos direitos televisivos, tanto para a América do Sul quanto para os outros mercados. Além disso, a agência tem gerenciado diversas frentes dos torneios, como patrocínio, licenciamentos e toda a comunicação digital. Pelo acordo, IMG e Perform deram garantia de US$ 1,4 bilhão, cerca de R$ 5 bilhões, em retorno mínimo pelos próximos quatro anos.


Notícia Conmebol FC Diez Media marketing patrocínio mercado estrutura Amstel Unilever Rexona Qatar Airways