Companhia aérea oficial da Copa América, a GOL encontrou no torneio continental uma chance de aproximar a marca do público sul-americano. A empresa, que tem um plano de expansão internacional intenso para os próximos anos, com o objetivo de incomodar a liderança da Latam na região, deu o pontapé inicial para as ações nesta quarta-feira (12), usando o argentino Juan Pablo Sorín para fazer o voo entre Buenos Aires e São Paulo a bordo de uma aeronave da companhia.

O ex-lateral esquerdo foi a estrela do voo entre os dois países. Foi a primeira ação do gênero que a GOL fez em voos internacionais. No ano passado, durante a Copa do Mundo da Rússia, a companhia já tinha aproveitado o patrocínio à seleção brasileira para levar ex-jogadores campeões mundiais dentro de voos comerciais nacionais.

Agora, com a Copa América e o projeto de internacionalização, a companhia acabou usando Sorín para conversar com torcedores, tirar fotos e ainda sortear camisas da seleção argentina para passageiros. A ideia é aproximar o consumidor dos serviços oferecidos pela empresa por meio da paixão pelo futebol.

Foto: Divulgação / GOL

"Fazer parte deste evento mostra o nosso compromisso em apoiar o crescimento e o desenvolvimento do esporte. A ação no Aeroporto de Ezeiza marca o primeiro voo internacional como transportadora oficial da Copa América e aproxima o Brasil das demais nações da América do Sul, assim como fazemos diariamente em nossos voos que conectam com essas regiões no mercado nacional e internacional atendidos pela companhia", disse German Carmona, gerente de marketing da GOL.

A companhia tem realizado ações dentro dos saguões de embarque dos aeroportos. Foi assim semana passada dentro do Galeão, no Rio de Janeiro, quando a taça da Copa América ficou exposta antes de embarcar para São Paulo.

"Temos uma série de ações e surpresas a bordo dos nossos voos, nos aeroportos onde operamos. Ressaltaremos e lembraremos nossos clientes que a GOL tem TV ao vivo a bordo, ou seja, ninguém vai perder nenhum jogo da Copa América, e celebreramos todos os jogos. Com internet a bordo, esperamos que os clientes torçam e compartilhem a vibração a bordo nas redes", afirmou Carmona.

A ideia é ainda usar a força continental do torneio para falar com o consumidor.

"Queremos aproveitar que a GOL é a transportadora aérea oficial do campeonato para de fato estarmos mais próximos de todos os paises e torcidas em que também operamos regularmente em nossa malha internacional", finalizou o executivo.


Notícia GOL Copa América Argentina Sorín projeto expansão internacional ação ativação marketing patrocínio mercado