Se havia a ideia de que o brasileiro estava pouco empolgado com a Copa do Mundo, os números da audiência da Globo mostram um cenário bem diferente. A seleção estreou no último domingo com número bastante alto e deixou para trás até mesmo as partidas do Mundial jogado no Brasil, em 2014.

Foram 51 pontos de média, tanto em São Paulo quanto no Rio de Janeiro, com participação das televisões ligadas em 80% na capital paulista e 81% na capital fluminense.

Essa é a maior audiência da seleção brasileira em Copa do Mundo na Globo desde 2006. Na época, o time foi derrotado nas quartas de final pela França de Zidane, e a emissora marcou 64 pontos em São Paulo e 61 no Rio de Janeiro. Em ambas as cidades, a participação foi superior a 90%.

Mesmo na Copa do Mundo realizada no Brasil, a audiência não chegou ao que foi alcançado na atual estreia. O jogo entre Brasil e Croácia, em 2014, marcou 36 pontos na Globo, além de 9 pontos na Band. Na semifinal, contra a Alemanha, o índice foi menor porque a audiência caiu conforme aumentava a goleada do time europeu.

Fora o jogo do Brasil, a Globo também conseguiu bom desempenho com o duelo entre Alemanha e México. Tanto em São Paulo quanto no Rio de Janeiro o Ibope marcou 32 pontos de média; foi a segunda melhor partida do Mundial na audiência.

Segundo a medição do Ibope, cada ponto de audiência medido equivale a 70,5 mil residências (ou 199,3 mil pessoas) na Grande São Paulo. No Rio de Janeiro e região metropolitana, cada ponto é equivalente a 44 mil residências (ou 116,9 mil telespectadores).


Notícia Globo Audiência Copa do Mundo