Há cinco anos, o futebol do Rio de Janeiro encontrou na empresa Vitton 44, produtora da bebida Guaraviton, a salvação para a falta de patrocínios na camisa dos quatro grandes clubes do estado. Agora, é a vez do Azeite Royal se tornar o "Salvador da Pátria" carioca. A marca anunciou patrocínio para os meiões do Flamengo até o final do Brasileirão e, assim, completará a quadra no Rio.

LEIA MAIS: Com Vasco, Fluminense e Botafogo, Azeite Royal quer ganhar mercado

LEIA MAIS: Azeite Royal amplia patrocínio ao Vasco e mira 2020

A semelhança entre as duas histórias não para por aí. Assim como a Vitton 44, o Azeite Royal não vem tendo critério para definir patrocínios e atua com base na oportunidade para fechar negócio. A decisão ainda é concentrada no dono da empresa, que enxerga o esporte como meio para popularizar a marca e aumentar vendas.

Foto: Divulgação / Azeite Royal

"Muitos torcedores do Flamengo cobravam esta parceria. Nunca foi uma ideia descartada, nós só precisávamos ajustar alguns detalhes. Estamos com o nosso logotipo na meia, mas temos a intenção de estar na camisa no ano que vem", disse Eduardo Giraldes, empresário que há dois anos comprou a marca portuguesa e decidiu trazer para o Brasil a comercialização do produto.

O futebol se tornou, neste ano, a vitrine perfeita para que a marca pudesse ser mais conhecida.Tanto que o Azeite Royal já fechou acordo também com o Atlético-MG, de olho no mercado de Minas Gerais.

"O Flamengo é mais do que uma paixão nacional, é uma paixão mundial. Repito que estou feliz em incentivar o esporte, pois o mesmo é uma importante ferramenta social para melhorar o desenvolvimento da nação. Também não desconsidero a visibilidade que o Flamengo nos dará carregando a nossa marca", disse Giraldes.

O acordo também engloba a equipe de futebol feminino do Flamengo, que terá a marca da empresa exposta na barra traseira do uniforme. O time foi eliminado no último final de semana pelo Corinthians na semifinal do Campeonato Brasileiro.


Notícia Flamengo Azeite Royal patrocínio meia marketing gestão mercado carioca Vasco Fluminense Botafogo Atlético-MG mercado mineiro