Em fevereiro, a Under Armour anunciou investimentos de mais US$ 500 milhões na compra de MyFitnessPal e Endomondo, aplicativos para telefones celulares de saúde e atividade física.

A partir da aquisição das duas empresas, a marca esportiva criou o núcleo Under Armour Connected Fitness (UACF), que mostra o novo posicionamento da marca.

Com uma rede englobando 130 milhões de usuários de aplicativos de saúde e atividade física, a Under Armour se aproxima cada vez mais do mercado de bem-estar, deixando de ser apenas uma marca de roupa esportiva.

Tina Louise, que lidera a operação da UACF na América Latina

“Nós estamos começando agora a expandir o negócio no Brasil. Devemos fazer mais aquisições em breve”, afirmou em entrevista à Máquina do Esporte Tina Louise, que é responsável pela operação latino-americana da UACF.

A operação brasileira será um dos focos da empresa, que deverá expandir a equipe nos próximos meses. Atualmente, Endomondo e MyFitnessPal reúnem 2 milhões de usuários no Brasil.

Usado para marcar as refeições e controlar o consumo de calorias, o MyFitnessPal se conecta a outros 50 aplicativos de prática de atividade física. Carro-chefe da UACF, o aplicativo é usado por mais de 80 milhões de pessoas no mundo todo. O Brasil responde por cerca de 1,5 milhão deles.

LEIA MAIS: Aplicativo mediu consumo de alimentos na Copa

“As pessoas tendem cada vez mais a querer saber como está a saúde e de que forma ela pode se cuidar. É para esse público que estamos olhando”, disse Louise.

A expectativa da fabricante é de usar os dados de hábito de prática de atividade física e alimentação dos seus usuários para planejar produtos e auxiliar as pessoas na compra de artigos.

O movimento é reação ao que a Nike fez ao lançar a plataforma Nike Plus, que monitora a prática de atividade física das pessoas.


Notícia Under Armour Marketing Fitness Nike