O Chelsea e o Liverpool seguiram o Tottenham e decidiram encerrar suas parcerias com o site de apostas russo 1xBet. Diferentemente dos Spurs, que já eram parceiros da empresa desde agosto do ano passado para o continente africano, os acordos dos Blues e dos Reds haviam sido assinados em julho deste ano, ou seja, há apenas dois meses.

LEIA MAIS: Parceiro dos grandes, 1xBet suspende operações no Reino Unido

A decisão dos três grandes clubes ingleses foi tomada após o "Sunday Times" ter revelado que a empresa cometeu várias violações, como apostas em esportes infantis, publicidade em sites ilegais, transmissões ao vivo de brigas de galo e promoção de um cassino com crupiês de topless.

Foto: Reprodução

Assim como o Tottenham, que se desligou da empresa na semana passada, Chelsea e Liverpool também foram contatados pela Gambling Commission, órgão regulador do jogo no Reino Unido, que alertou os clubes sobre punições por fazerem publicidade do site de apostas. De acordo com o órgão, os clubes poderiam receber "multas ilimitadas" e "até um ano de prisão".

Esta é a primeira vez que ocorre uma grande intervenção da Gambling Commission no futebol inglês em meio a uma crescente preocupação com o número cada vez maior de empresas de jogos de azar envolvidas no futebol, principalmente em patrocínios de camisas. Atualmente, mais da metade das equipes da Premier League possuem o logotipo de algum site de apostas on-line estampado no uniforme.

Vale lembrar ainda que, na Espanha, o Barcelona também tem acordo com o site de apostas. Por lá, no entanto, ainda não há nenhuma informação sobre algum tipo de punição ao 1xBet.


Notícia Chelsea Liverpool 1xBet Tottenham site de apostas marketing patrocínio mercado jogos de azar Gambling Commission