O Derby County, clube que disputa a EFL Championship, segunda divisão do futebol inglês, anunciou a contratação do ídolo do país Wayne Rooney. O contrato de um ano e meio será diferente na carreira do jogador, já que ele atuará dentro de campo mas também fora dele, como auxiliar técnico. E tudo isso tem o "dedo" do atual patrocinador máster do clube.

De acordo com a imprensa britânica, o site de apostas 32Red é quem bancará boa parte do salário de £ 90 mil do ex-camisa 10 da seleção inglesa, que chegará em definitivo ao clube em janeiro de 2020. A quantia exata não foi confirmada. Havia especulações, inclusive, de que a empresa teria aumentado o aporte ao clube, tornando-o recorde, apenas por ter Rooney como novo contratado. A confirmação da informação veio nesta quarta-feira (7).

"Obviamente, as oportunidades comerciais que isso cria são generalizadas e significativas. Com a entrada de Wayne no clube, acabamos de receber um contrato de patrocínio com quebra de recordes com nosso principal patrocinador de camisa, a 32Red", afirmou Mel Morris, dono e presidente do clube.

Foto: Reprodução / Twitter (@dcfcofficial)

Dentro de campo, o astro atuará com a camisa 32, em uma clara "jogada" de marketing da empresa. A estratégia, no entanto, tem atraído críticas, com acusações de que a situação ridiculariza as regras do fair play financeiro (FFP), permitindo essencialmente que as casas de apostas financiem diretamente transferências de jogadores. Rooney ganhará cerca de cinco vezes o salário médio de um jogador da segunda divisão inglesa.

"Não é muito inteligente isso. Tudo parece um pouco grosseiro. Wayne Rooney, que tem filhos, talvez deva saber que este acordo não é o mais brilhante. As empresas de apostas precisam fazer favores no momento, e isso não cai bem para as autoridades de futebol ou o governo", disse o ex-ministro Richard Caborn, em entrevista ao Daily Telegraph.

O assunto é bastante controverso na Inglaterra. Vale lembrar que, no final do ano passado, as empresas de apostas concordaram em interromper a publicidade antes, durante e logo após os jogos ao vivo, por conta de não incentivar as pessoas a gastarem ainda mais dinheiro com apostas.

No entanto, 17 das 24 camisas das equipes da EFL Championship possuem alguma empresa de apostas estampada. Algo parecido ocorre na própria Premier League, com mais da metade dos times com parcerias com empresas do ramo nas camisas.

Mesmo com a repercussão não sendo das melhores, o Derby County tem comemorado bastante a chegada do jogador e usado o lado social para se defender das críticas.

"Estamos empenhados em alavancar o envolvimento de Wayne e o apoio da 32Red em nossas iniciativas comunitárias, expandindo o trabalho como o programa de saúde mental Team Talk, que é apoiado por nosso Community Trust e pela 32Red. Estas são iniciativas importantes para nós como clube e demonstram os benefícios de iniciativas comerciais que estão verdadeiramente alinhadas com os objetivos de todas as partes, fãs do clube e a comunidade", declarou Mel Morris.


Notícia Derby County Wayne Rooney EFL Championship 32Red site de apostas patrocínio marketing comercial estratégia mercado