A BMW decidiu investir no e-Sports. A marca alemã de carros de luxo será a nova patrocinadora da paiN Gaming, uma das principais equipes do país. O acerto faz da montadora uma das primeiras a entrar no universo dos games após a japonesa Nissan e a alemã Audi, e também reforça a nova estrutura comercial montada pela paiN recentemente.

Em agosto, o clube de e-Sports decidiu adotar uma estrutura comercial profissional. Foi ao mercado e contratou Allan Fernandes, que era do grupo de media Webedia, dono de diversos sites especializados, entre eles um sobre e-Sports. O executivo montou, então, um time de especialistas e passou a concentrar a venda dos ativos da paiN não apenas na força de exposição da equipe mas também no alcance digital.

Foto: Divulgação / BMW

Hoje, a paiN tem quase 2 milhões de seguidores nas redes sociais (Twitter, Instagram, Facebook e YouTube) e produz conteúdo que gera engajamento com o público. O anúncio do acordo com a BMW foi por meio de um vídeo feito pela equipe. A exposição da marca virá na final do Counter Strike dentro da BGS Esports, evento que vai até o próximo domingo (13).

"Reinventamo-nos todos os dias para fascinar os consumidores e fãs com o que há de mais avançado em tecnologia para mobilidade premium. Por isso, enxergamos muita sinergia na parceria com a paiN Gaming que, assim como a BMW, proporciona adrenalina através da tecnologia. Essa união irá nos posicionar ainda mais próximos das novas gerações que nasceram em ambiente digital e totalmente conectado", afirmou Jorge Junior, head de marketing da BMW do Brasil.

"O Brasil é um dos três maiores mercados consumidores de e-Sports no mundo, com cerca de 18 milhões de espectadores/jogadores ocasionais e entusiastas. Receber o investimento de marcas tradicionais que são referências em seus segmentos e em avanços tecnológicos é importante para consolidar o e-Sports como terreno fértil para a conexão com as novas gerações e com o futuro", destacou Allan Fernandes, vice-presidente comercial da paiN.


Notícia BMW paiN Gaming e-Sports estratégia mercado público jovem ambiente digital marketing patrocínio