Não foram poucas as vezes que a Máquina do Esporte noticiou a criação de escolinhas de futebol de grandes clubes europeus em diversos mercados espalhados pelo mundo nos últimos anos. Recentemente, o principal alvo tem sido a Ásia, em especial a China. E a estratégia está dando tão certo que até clubes de porte menor estão começando a segui-la.

Foto: Reprodução / Twitter (@RealBetis)

Dessa vez, quem anunciou que está aderindo à ideia foi o Betis. O clube espanhol acaba de lançar a EscolaBetis, que terá como principal objetivo expandir a marca do Betis internacionalmente. Entre os planos está a abertura de campos de treinamento e academias de futebol em diversos países.

A estreia, como parece praxe entre os clubes europeus, foi na China, com uma escola inaugurada em Wenzhou. A segunda, que também foi inaugurada neste final de semana, fica no Marrocos, país africano localizado bem próximo à Espanha.

A estratégia da EscolaBetis está diretamente ligada a outras iniciativas que vêm sendo tomadas pelo clube no intuito de expandir a marca. Recentemente, por exemplo, a equipe de e-Sports do Betis ganhou um impulso financeiro e passou a competir em torneios internacionais.

Dentro de campo, o time também tenta fazer seu papel da melhor maneira possível. O clube está na semifinal da Copa del Rey diante do Valencia e, se passar, pegará o vencedor do duelo entre Real Madrid e Barcelona. Na LaLiga, o Betis ocupa a sexta colocação na classificação geral e briga por vaga na Liga Europa ou até na Liga dos Campeões da próxima temporada.


Notícia Betis EscolaBetis expansão marca internacionalização mercado estratégia marketing