Jogadores do Barcelona festejam título da Copa do Rei-2016

O time do Barcelona gerou ao longo da temporada 2014/2015 um total de € 906 milhões à cidade de Barcelona. Isso representa 1,5% do PIB da capital da Catalunha, segundo estudo da Deloitte.

O estudo afirma que o clube se consolidou como um dos maiores geradores de renda ao município. Esse número representa 19,3% de aumento em relação à temporada 2013/2014, quando o clube gerou € 759 milhões para a cidade.

O impacto do Barcelona vai além: a equipe gera 16.620 empregos anuais graças às suas atividades. Isso representou um aumento de 9% em relação à temporada anterior, que tinha gerado 15.265.

“Se o Barcelona não existisse, o desemprego em Barcelona cresceria em 18%. O Barcelona representa um setor econômico para a cidade: a cada euro que fatura, obtém 2,3 euros para o PIB cidade”, afirmou Ana Andueza, representante da Deloitte que apresentou o estudo.

O Barcelona também movimenta o turismo: 6% dos visitantes que chegam à cidade têm o clube como motivo principal da visita, seja para assistir a jogos ou simplesmente para visitar o Camp Nou.

O clube gera 1,47 milhões de pernoites em Barcelona, equivalentes a 59% do que gera o segmento de congressos e exposições. O estudo também aponta que houve 1,57 milhão de visitas à “Camp Nou Experience” durante a temporada 2014/2015.

Susana Monje, vice-presidente econômica do Barcelona, destacou o impacto econômico do clube para o município. “Alcançamos € 900 milhões de impacto inclusive antes de haja começado a construir o Espai Barça, graças ao crescimento do clube e à gestão econômica sustentável”, afirmou, citando as reformas no complexo esportivo do time catalão.


Notícia Barcelona Barcelona Deloitte PIB Arrecadação