A Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) decidiu que usará o torneio Next Gen Finals, que reúne os oito tenistas até 21 anos que tiveram maior destaque no circuito mundial de tênis no ano, para testar o uso de aparelhos GPS com o intuito de medir estatísticas em tempo real.

A tecnologia medirá velocidade, direção, aceleração, força, rotação e orientação do corpo, assim como a frequência cardíaca. Com as informações, espera-se que os atletas entendam melhor a carga trazida por cada partida, as demandas dos jogos e competições, além de terem uma base mais qualificada na hora de tomar decisões com relação a melhora no desempenho.

A permissão de uso do GPS será um teste que a entidade fará para incluir a inovação tecnológica no circuito nos próximos anos. A princípio, porém, as informações estatísticas só serão utilizadas pelos atletas e seus treinadores, e não ficarão disponíveis para o público final.

Foto: Reprodução / Twitter (@nextgenfinals)

"Desde o início, o Next Gen Finals da ATP esteve na vanguarda da inovação no nosso esporte, e o uso de GPS este ano durante as partidas fornecerá algumas informações valiosas para jogadores, treinadores e serviços médicos da ATP. É um torneio único que sempre adotou novas tecnologias, e este é apenas o passo mais recente", afirmou Chris Kermode, atual presidente da entidade, mas que deixará o cargo no final do ano.

Vale lembrar que, no ano passado, o torneio estreou uma espécie de VAR (arbitragem de vídeo) no tênis. O recurso veio acompanhado da tecnologia "Hawk-Eye" e permitiu que os jogadores desafiassem qualquer chamada do juiz de cadeira, como dois quiques, toques na rede ou invasão de quadra. 

A terceira edição do Next Gen Finals será realizada no ginásio Allianz Cloud, em Milão, na Itália. O torneio terá início na próxima terça-feira (5), com término no sábado (9). Dentro de quadra, os principais destaques prometem ser o australiano Alex de Minaur, o canadense Denis Shapovalov e o americano Frances Tiafoe.


Notícia ATP Next Gen Finals GPS tecnologia dados estatísticas inovação mercado marketing gestão