Alguns dias após celebrar o próprio apelido em uma nova campanha de mídia cheia de mistério, o Atlético-PR manteve o suspense em mais uma publicação no YouTube do clube, mas, dessa vez, com outras características. No texto lido durante o vídeo, deu uma "cutucada" na Globo e ainda ironizou os apelidos de quatro grandes clubes brasileiros: Corinthians, Flamengo, São Paulo e Grêmio.

O vídeo foi ao ar pouco antes do clube paranaense entrar em campo na Colômbia, pelo jogo de ida da final da Copa Sul-Americana, que acabou empatada em 1 a 1 contra o Junior Barranquilla. Nele, quatro ídolos da torcida, Alex Mineiro, Cocito, Gustavo e Kleberson, todos presentes no título mais importante da história do clube, o Campeonato Brasileiro de 2001, aparecem envoltos em muito mistério em imagens gravadas na Arena da Baixada.

Foto: Reprodução / YouTube (Atlético Paranaense)

Enquanto as imagens se sucedem, o texto polemiza ao fazer alusões aos apelidos pelos quais são conhecidos quatro dos principais clubes do país. O vídeo utiliza as expressões Bando de Loucos (Corinthians), Nação (Flamengo), Soberano (São Paulo) e Imortal (Grêmio) de outra forma. Além disso, o Atlético-PR ainda faz questão de mostrar orgulho por "peitar" a "maior rede de TV do país", ou seja, a Globo.

A seguir, leia o texto e assista ao vídeo que está gerando polêmica, principalmente nas redes sociais:

Bando de loucos. Tem gente que acha que isso é gritar o jogo inteiro. Pra gente é peitar a maior rede de televisão do país.

E o que é uma nação? É ter a maior torcida do mundo? Aqui é torcer com quem você gosta. Sem medo.

Soberano. Soberano é ser dono da própria casa, sem dever nada pra ninguém.

Imortal. Pra gente é pensar no futuro. No legado que vai deixar. Porque no futebol é assim. Você pode querer ser qualquer coisa.

Mas só a gente é Furacão.


Notícia Atlético-PR estratégia vídeo polêmica marketing Globo Corinthians Flamengo São Paulo Grêmio