O Atlético-MG confirmou, nesta segunda-feira (20), a venda de 50,1% do Shopping Diamond Mall, em Belo Horizonte, que pertencia integralmente ao clube. O negócio foi acertado em uma reunião com a Multiplan e é visto como mais um passo em direção à construção do estádio próprio da equipe, a Arena MRV.

A empresa de centros comerciais desembolsou R$ 250 milhões para adquirir a maioria do shopping. Pelo lado do Atlético, o dinheiro já tem destino certo: as obras do estádio, que tem previsão de inauguração para 2022.

"O Atlético fez o comunicado à Multiplan de que estava com toda a documentação exigida para que pudéssemos fazer a assinatura segura do documento, que é, na verdade, o start para o início dos pagamentos dentro do fluxo combinado com a Multiplan, dando sequência à aquisição dos 50,1% do shopping. Agora, o dinheiro da Multiplan começa a ser entregue e utilizado para a construção do estádio. Nossa Arena MRV está começando. Vamos inaugurar, se Deus quiser, daqui a 24 ou 26 meses. É o sonho de todo atleticano, e com certeza vai trazer muitos frutos para o clube", afirmou Sérgio Sette Câmara, presidente do clube, em entrevista à TV Galo, canal do Atlético no YouTube.

Foto: Reprodução / Twitter (@ArenaMRV)

De acordo com o Globoesporte.com, desde que o acordo surgiu, em 2017, o dinheiro rendeu. Atualmente, portanto, o valor que o clube tem na conta relativo à venda de parte do shopping é R$ 290 milhões.

Vale lembrar que, em dezembro, pouco antes do Natal, o Conselho Municipal do Meio Ambiente (COMAM) aprovou a Licença de Implantação da Arena MRV e liberou o início das obras para a construção do novo estádio. Desde então, a Racional Engenharia, empreiteira responsável pelas obras, começou a levar as máquinas para o local, que fica no bairro Califórnia, na região noroeste de Belo Horizonte, e iniciou a terraplanagem no terreno.


Notícia Atlético-MG Arena MRV Shopping Diamond Mall Multiplan venda estádio negociação estratégia mercado