Foto: Reprodução / Twitter (@ArenaMRV)

O Conselho Municipal do Meio Ambiente (COMAM) aprovou, nesta sexta-feira (20), por unanimidade (13 a 0), a Licença de Implantação da Arena MRV e liberou o início das obras para a construção do novo estádio do Atlético-MG. A votação ocorreu na Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

Com a decisão, a Racional Engenharia, empreiteira responsável pela construção, poderá levar as máquinas para o local, que fica no bairro Califórnia, na região noroeste de Belo Horizonte, e iniciar a terraplanagem no terreno de 130 mil m², doado pelo empresário Rubens Menin, cofundador, CEO e presidente da MRV Engenharia. Segundo o clube, as obras terão início já em janeiro de 2020.

"A data de hoje ficará na história do Clube Atlético Mineiro com mais essa conquista. Cerca de R$ 80 milhões vão ser empregados para obras de melhorias na infraestrutura urbana da região. Estamos muito felizes com essa decisão favorável e já vamos iniciar a obra. Mais uma etapa cumprida para tornar real o sonho dos Atleticanos", celebrou Bruno Muzzi, CEO da Arena MRV.

"É uma honra poder anunciar para a torcida que as obras da Arena MRV irão começar. Tenho certeza de que, na nossa nova casa, vamos ser ainda mais gigantes e alcançar grandes conquistas", completou Sérgio Sette Câmara, presidente do clube mineiro.

De acordo com o projeto, a Arena MRV será uma arena multiuso que contará com 40 bares, 68 camarotes e 2.400 vagas de estacionamento. Com estimativa de finalização das obras em 30 meses, o estádio deverá ser inaugurado em meados de 2022 e terá capacidade 46 mil pessoas.


Notícia Arena MRV Atlético-MG MRV arena multiuso estádio construção marketing gestão naming rights patrocínio mercado Belo Horizonte