A Penalty lançou, no final da semana passada, o segundo “capítulo” da nova campanha da marca que tem como objetivo reforçar o posicionamento da fabricante como referência mundial no mercado de bolas. Após estrear no basquete com Hortência, agora é a vez do futebol. E o escolhido foi Cafu, capitão do pentacampeonato da seleção brasileira.

Foto: Reprodução / YouTube (PenaltyBR)

Assim como no primeiro vídeo da campanha, o novo filme aposta no bom humor e traz mais uma vez o humorista Rudy Landucci, famoso por imitar e parodiar personalidades do mundo esportivo. Dessa vez, Landucci tenta "bater uma bolinha" com Cafu. No final, os dois acabam vestindo camisas com os dizeres "100% Bolas Penalty", em uma alusão à camisa com a qual o ex-lateral levantou o troféu de campeão do mundo ao conquistar a Copa de 2002.

Assinada pela agência CDR+, a campanha tem como objetivo reforçar o conceito de que a Penalty é a escolha preferida tanto do atleta iniciante quanto do profissional. Atualmente, a marca é a única fabricante brasileira com certificação internacional emitida pelas quatro instituições máximas das principais modalidades com bola: FIFA (futebol), FIVB (vôlei), FIBA (basquete) e IHF (handebol).

Além de Hortência e Cafu, a campanha "Bola é Penalty" ainda contará com mais dois vídeos, que entrarão no ar nos próximos meses: um dedicado ao vôlei, que terá a participação do ex-levantador Mauricio, e outro com foco no futsal, cuja estrela será o recém-aposentado Falcão.

Assista abaixo ao vídeo estrelado por Cafu e Rudy Landucci:


Notícia Penalty Cafu Hortência Rudy Landucci bolas campanha futebol marca mercado posicionamento marketing