A "briga" é antiga. Na Alemanha, o DAZN e a Sky vivem em queda de braço pelos direitos dos principais torneios de futebol da Europa. Em outubro do ano passado, o duelo foi vencido pela Sky, que adquiriu os direitos da Premier League de 2019/2020 a 2021/2022. Nesta quinta-feira (12), no entanto, o "duelo" foi vencido pelo DAZN, que terá os direitos da Champions League de 2021/2022 a 2023/2024.

A informação foi divulgada pelo próprio executivo-chefe da Sky, Carsten Schmidt, ao jornal alemão Bild. Após 21 de anos de parceria, a Sky não transmitirá a principal competição de clubes do mundo. A última temporada será 2020/2021.

Foto: Reprodução

"No processo de licitação que acaba de ser concluído, não conseguimos chegar a um acordo sobre a continuação da cooperação com a Uefa. Temos uma visão economicamente clara e responsável sobre o valor dos direitos esportivos e não estávamos preparados para ir além do alto valor que atribuímos a esse direito", afirmou o executivo, que não revelou os valores das negociações.

O acordo com a DAZN, que atualmente sublicencia os direitos da Sky, marcará a primeira vez que a Uefa opta por um modelo de distribuição de direitos em plataformas de streaming no mercado alemão. Isso porque na última terça-feira (10) a Amazon também garantiu os direitos de transmissão do torneio de 2021/2022 a 2023/2024 e exibirá 16 jogos em sua plataforma Amazon Prime Video.


Notícia DAZN Sky Amazon Champions League mídia plataforma direitos transmissão streaming mercado Alemanha