Stephen Curry, principal embaixador da Under Armour na NBA

Após acertar que a Nike irá substituir a Adidas como fornecedora de material esportivo a partir de 2018, a NBA surpreendeu ao anunciar o aprofundamento da relação com a principal concorrente da empresa nos Estados Unidos, a Under Armour.

Pelo contrato, a empresa de Baltimore irá desenvolver um aplicativo NBA Fit, além de patrocinar o draft, a loteria de calouros da liga, e o NBA Jr., programa que pretende desenvolver projetos esportivos com 5 milhões de jovens ao redor do mundo apenas em seus dois primeiros anos de atividade.

Os valores do acordo entre Under Armour e NBA não foram divulgados. Por contrato, a empresa poderá explorar, a partir de 2018, o aplicativo NBA Fit em nível mundial. O app “irá incluir conselhos de treinamento, conteúdos relacionados com fitness e acesso a plataformas de saúde e fitness da Under Armour”, afirmou o comunicado da empresa.

A Under Armour já é dona de alguns dos aplicativos fitness mais populares, como o Endomondo e o MyFitnessPal.

Por contrato, a empresa também irá desenvolver linha de roupa e material esportivo vinculado ao draft. “Estamos orgulhosos de ampliar nossa associação com a NBA e continuar nosso compromisso compartilhado para ajudar os jogadores de basquete de todo o mundo se darem conta de seu potencial dentro e fora da quadra”, destacou Adam Peake, vice-presidente executivo de marketing global da Under Armour.

“Compartilhamos o compromisso com o basquete, o fitness e a vida saudável. Temos uma oportunidade única de ensinar os valores do jogo a milhões de crianças através do programa NBA Jr. e para dar aos nossos torcedores a última informação sobre o exercício e o bem-estar através do aplicativo NBA Fit”, afirmou Emilio Collins, vice-presidente executivo de alianças globais de marketing da NBA.

Antes desse acordo, a principal propriedade da Under Armour relacionada à NBA era o armador Stephen Curry, campeão da NBA pelo Golden State Warriors e eleito o MVP (melhor jogador) da última temporada.

As propriedades principais da NBA, porém, ficarão com a Nike após o fim do vínculo da liga com a Adidas. Em 11 anos, a multinacional alemã liberou US$ 400 milhões. Já a Nike assinou por US$ 125 milhões anuais, segundo a ESPN, mas terá o direito de estampar seu logo no uniforme de jogo das 30 equipes, direito que a Adidas nunca teve. 


Notícia NBA Under Armour Nike Aplicativo