Nos últimos anos, com a construção de novos estádios pelo Brasil, falou-se muito no termo "arena multiuso". Mas talvez isso nunca tenha ficado totalmente claro. Para alguns, o conceito se limita à capacidade, por exemplo, de o local receber shows, uma ideia limitada, como pôde ser visto em diversos espetáculos em velhas estruturas. Para esclarecer, então, o Corinthians decidiu agir.

LEIA MAIS: Corinthians ativa Arena para celebrar 109 anos

LEIA MAIS: Programa promete recompensas para aniversário do Corinthians

No final de semana em que celebrará 109 anos de história, o time resolveu colocar sua arena em uma prova limite. O clube aproveitará as festas para mostrar a incrível capacidade que uma estrutura moderna pode oferecer a torcedores e ao mercado de forma geral. Para isso, aposta em diversas atrações simultâneas.

Ao longo do fim de semana, a Arena Corinthians receberá clínicas de diversos esportes, um feirão de varejo com uma marca patrocinadora, balada, exibição de boxe e até exposição de carros. As festividades, claro, serão finalizadas com uma partida da equipe pelo Brasileirão.

Essa capacidade de entregar as mais diversas experiências a diferentes grupos de interesse, de ação social a eventos corporativos, tudo ao mesmo tempo, é a essência de uma arena multiuso. O Corinthians poderia fazer tudo isso no velho Pacaembu, mas jamais com a mesma qualidade de entrega e em um espaço tão curto de tempo.

Essa capacidade de entregar diversos eventos em um único fim de semana é também fundamental para entender que, em uma arena multiuso, o futebol não perde o protagonismo. As ações devem ser bem-sucedidas porque, no domingo (1º), haverá mais de 40 mil pessoas na arena. O modelo consagrado de estádio na Europa e nos Estados Unidos não está calcado no modo de gerar renda em dias sem evento, mas sim na capacidade de multiplicar a receita quando há um grande fluxo de pessoas. Dinheiro em dia sem jogo é apenas uma parte pequena da equação que gera um estádio moderno, verdadeiramente multiuso.

O problema é o quão pouco o mercado absorveu essa ideia. Por isso mesmo, é importante essa demonstração de força que faz a Arena Corinthians. O clube paulista tem conseguido avançar aos poucos dentro do segmento para conseguir faturar além da bilheteria. No final de semana, participarão das atividades os parceiros do estádio, além de patrocinadores como Positivo, Nike e até Magnus, ligada ao futsal. É um claro sinal de que, aos poucos, as marcas começam a ver a importância de uma estrutura tão sofisticada, seja ela do Corinthians, do Palmeiras ou dos outros times.


Notícia Corinthians Arena Corinthians arena multiuso aniversário ações ativações marketing patrocínio comercial estratégia mercado