Uma das principais jogadoras de futebol da atualidade, a americana Alex Morgan quer criar um veículo de mídia que coloque o esporte feminino em evidência e traga para o público a história das mulheres no esporte.

Na última semana, a cocapitã do time dos Estados Unidos campeão do mundo participou de um evento em Nova York e revelou o interesse em criar o veículo, que concentraria as histórias para incentivar a prática de esporte para as meninas.

"Os esportes masculinos estão sempre no centro das atenções. Vamos nos concentrar nas mulheres e compartilhar histórias que eu acho que muitas pessoas querem ouvir. E as meninas precisam ter acesso a elas", disse Morgan, em entrevista à Bloomberg.

A jogadora afirmou que o projeto ainda está em fase embrionária. Uma coisa, porém, ela tem clara. Não buscará parceria com grandes empresas de mídia para fazer o lançamento. O modelo, a princípio, seria similar ao "The Players' Tribune", plataforma que foi criada pelo ex-jogador de beisebol Derek Jeter após se aposentar e cujo conteúdo é produzido pelos próprios atletas. Na ocasião, o foco foi colocar o atleta como protagonista para contar suas próprias histórias.

A iniciativa de Alex Morgan é mais uma envolvendo a produção de conteúdo voltada a incentivar a prática de esporte para meninas. Eleita uma das 100 pessoas mais influentes da revista "Time", ela escreveu uma série de livros infantis sobre futebol e, no ano passado, atuou em uma comédia esportiva chamada "Alex & Me".

"Conseguimos ver que podemos usar nossa plataforma para falar sobre questões importantes. Somos autênticos para quem somos e para o que defendemos, e estamos nos tornando mais corajosos e confortáveis", complementou a jogadora.


Notícia Marketing Mídia Alex Morgan Copa do Mundo 2019 Futebol Feminino