A rivalidade entre Nike e Adidas no futebol teve mais um capítulo nesta semana. Praticamente ao mesmo tempo, as duas marcas lançaram novos modelos de chuteira. Enquanto a fabricante americana decidiu apostar em um modelo inspirado no futebol de rua, a marca alemã anunciou a criação da Predator 20 Mutator, que tem como principal foco aumentar a aderência dos atletas com a bola por meio de uma nova tecnologia batizada de Demonskin.

De acordo com a Adidas, trata-se de uma tecnologia disruptiva criada após anos de pesquisas e testes, e que é resultante de um algoritmo de computador usado para gerar uma superfície totalmente nova entre chuteira e bola. Dessa forma, permite aos jogadores um maior controle e toque na bola, além de uma variedade de efeitos na batida.

A Predator 20 Mutator é a mais nova edição de uma das chuteiras mais icônicas da fabricante alemã. Criada em 1994, já foi usada por grandes nomes do futebol mundial como David Beckham, Zinedine Zidane e Steven Gerrard.

Foto: Divulgação / Adidas

"Para 2020, queríamos lançar a Predator para uma nova geração. Sabíamos que tínhamos que criar algo completamente diferente, ir além da evolução e entregar uma nova inovação, algo que intimidaria os oponentes. A Demonskin está no centro disso. É realmente uma inovação para nós, na Adidas Football, totalmente nova com benefícios aplicáveis ao jogo. Isso ficou evidente nos testes com jogadores, que sentiram uma diferença imediata com a bola nos pés", explicou Ben Herath, diretor de design da Adidas.

O lançamento da chuteira ganhou um filme protagonizado pelo francês Paul Pogba (Manchester United), o inglês Dele Alli (Tottenham) e a zagueira da seleção americana Becky Sauerbrunn. Além deles, outros que usarão a chuteira são o alemão Marc-André ter Stegen (Barcelona) e a atacante da seleção belga Tessa Wullaert. No Brasil, ela estará nos pés de nomes como Daniel Alves (São Paulo), Diego Ribas (Flamengo) e a atacante Cristiane, que acaba de fechar com o Santos.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

406 spikes, 100% monstra. A braba chegou. Totalmente nova. #Predator 20+ com tecnologia DEMONSKIN. 😈🔥

Uma publicação compartilhada por adidas Brasil (@adidasbrasil) em 21 de Jan, 2020 às 5:22 PST

"Quando lançamos a primeira Predator, em 1994, houve uma mudança de jogo. Desde então, fomos incansáveis ​​ao ultrapassar os limites da inovação em seu design, garantindo sua permanência na linha de frente em tecnologia de chuteiras. A Predator é muito mais do que uma chuteira. É sinônimo de momentos icônicos do futebol, usados ​​por grandes nomes do jogo que, à sua maneira, tornaram-se figuras mitológicas do esporte", completou Ben Herath.

Além da chuteira, a tecnologia Demonskin estreará também nas luvas de goleiro, oferecendo um maior controle nas defesas. A linha completa da Predator 20 Mutator, incluindo luvas e chuteiras para futsal e futebol society, estará disponível no site da Adidas e também nas lojas próprias da marca a partir da próxima terça-feira (28). A Predator 20+ (sem cadarço) e a Predator 20.1 já estão disponíveis no site com preços a partir de R$ 799,99.


Notícia Adidas Predator 20 Mutator chuteira aderência tecnologia Demonskin marketing mercado