“Todo atleta começa de forma recreacional e um dia se interessa pela parte competitiva”

Stefano Arnhold
Foto Stefano Arnhold Formado em administração pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), Stefano Arnhold é presidente da Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN). Sob sua gestão, reuniu 330 atletas registrados pela entidade, representada por 50 deles em competições internacionais de alto rendimento da Federação Internacional de Esqui (FIS). A atuação de Arnhold gerou bons resultados políticos, uma vez que, em 2003, a maior representatividade obtida do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) transformou a então Associação Brasileira de Esqui e Snowboard em CBDN, com a ampliação para outros esportes de neve. Desde então, foram inscritos esqui nórdico, biathlon e freestyle. Como esquiador, o presidente foi 11 vezes campeão e quatro vice-campeão do Campeonato Brasileiro. Também foi o primeiro atleta masters brasileiro a conseguir pontuação abaixo de 100 no FIS. Em 2005, conquistou a Copa Continental Sul-Americana Masters de esqui alpino pela categoria A-5.