“Presidente do Minas Tênis Clube diz que a busca pela inovação e o marketing ativo com o associados podem mudar a cara do mercado de clubes formadores do país”

Sérgio Bruno Zech Coelho
Foto Sérgio Bruno Zech Coelho Formado nas categorias de base do Minas Tênis Clube, Sérgio Bruno Zech começou sua carreira esportiva na natação, e foi convidado a jogar vôlei quando tinha 17 anos. Pelo time profissional do clube, foi campeão brasileiro e chegou à seleção nacional. A dificuldade em sobreviver do esporte, no entanto, fez ele se afastar das quadras, optando pela economia. Nessa área, adquiriu experiência em marketing e planejamento e atual em empresas de vários setores, como Cimetal, Grupo Tratex e a Bolsa de Valores de Minas. No Minas, entrou para a diretoria em 1971. Depois disso, foi diretor de judô, vôlei e financeiro, até chegar à vice-presidência e à presidência em meados da década de 1990. Fora do clube, ainda foi secretário de Estado de Esportes de Minas Gerais do governo Itamar Franco de abril de 2000 a dezembro de 2002. Além disso, foi diretor executivo do Atlético Mineiro de julho de 2003 a abril de 2004.

Número do dia

350 mil

euros deve receber cada jogador da Alemanha por uma eventual conquista da Copa do Mundo de 2018, disse a federação alemã.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Disney compra parte da Fox em transação bilionária e cresce no esporte
2Globo bate recorde de audiência no RJ com o Flamengo
3Análise: Fox decide abrir mão de briga do streaming
4Puma vibra com conquista do Independiente na Sul-Americana
5Corinthians fecha com Kalunga para Beach Soccer
6Corinthians amplia contrato com a Nike até 2029
7Bundesliga cria regra, e clubes terão funcionários dedicados aos torcedores
8Fifa ameaça tirar a Espanha da Copa do Mundo de 2018
9Mineirão quer receber eventual final única da Libertadores em 2019
10Análise: Final marca de vez a crise do Maracanã