“O achismo e o risco têm que diminuir cada vez mais”

Mario Ruggiero
Foto Mario Ruggiero Mario Ruggiero foi formando pela Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo. Há 17 anos, ele é diretor comercial na Nielsen Company, empresa especializada em pesquisa de mercado. Antes, foi representante de vendas da Bríndice Publicações e Propaganda, onde permaneceu por três anos e meio. Em fevereiro deste ano, a Nielsen se juntou à Koch Tavares para criar um braço esportivo, a Nielsen Sports, apostando no amadurecimento desse mercado no Brasil. O objetivo da empresa é fazer um acompanhamento de empresas que investem ou queiram investir em patrocínios no esporte. Fora do Brasil, a Nielsen fez recentemente medições no mercado publicitário envolvendo eventos como a Copa do Mundo.

Número do dia

R$ 510 mi

Foi a arrecadação do Flamengo em 2016; cerca de 60% desse valor foi com verba de televisão (R$ 297 milhões)

Autoline

Patrocinado por


Banner

Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Fluminense acerta parceria com patrocinador da Fifa
2Palmeiras e Adidas lançam novo uniforme em Dia do Goleiro
3Palmeiras iguala melhor audiência na Libertadores 2017
4Por entrega a parceiros, Globo reforça Cartola
5Adidas perde para marca dinamarquesa a bola da Bundesliga
6'El Clásico' dá liderança isolada ao Fox Sports
7Peugeot apresenta carro com a marca de Roland Garros
8361º aposta em atleta e produto para crescer no Brasil
9Nuzman fica em último lugar em eleição da Odepa
10Análise: Desafio de Nuzman é no Brasil