“O achismo e o risco têm que diminuir cada vez mais”

Mario Ruggiero
Foto Mario Ruggiero Mario Ruggiero foi formando pela Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo. Há 17 anos, ele é diretor comercial na Nielsen Company, empresa especializada em pesquisa de mercado. Antes, foi representante de vendas da Bríndice Publicações e Propaganda, onde permaneceu por três anos e meio. Em fevereiro deste ano, a Nielsen se juntou à Koch Tavares para criar um braço esportivo, a Nielsen Sports, apostando no amadurecimento desse mercado no Brasil. O objetivo da empresa é fazer um acompanhamento de empresas que investem ou queiram investir em patrocínios no esporte. Fora do Brasil, a Nielsen fez recentemente medições no mercado publicitário envolvendo eventos como a Copa do Mundo.

Número do dia

R$ 500 mil

Cobrou a concessionária do Maracanã para a realização do Fla-Flu no estádio; jogo acabou transferido para Brasília.

Bradesco

Patrocinado por


Banner

Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Análise: Marcas não fogem de quem dá retorno
2Barcelona quer ‘festa’ em jogos do Camp Nou
3Chapecoense consegue valorização nos direitos de TV
4Manchester City quer ter filial no Uruguai
5Após escândalos, Brasil e Uruguai vivem momentos distintos
6Ponte usa humor e interação para crescer em rede social
7Confederação de rúgbi renova com mais um patrocinador
8Fórmula 1 lança serviço de viagem customizada
9NBA veta descanso de jogadores durante temporada regular
10Parceiros comerciais trazem troféus de Copa e da Premier League ao Brasil