“Diretora executiva do Instituto Ayrton Senna explica porque a entidade aposta em corridas de rua para fortalecer marca”

Margareth Goldenberg
Foto Margareth Goldenberg Formada em psicologia pela Universidade Paulista (Unesp), Margareth Goldenberg convivia diariamente com Viviane Senna, irmã do piloto Ayrton Senna. A relação entre as duas transformou-se em vínculo profissional após a morte do ídolo em 1994. A partir daí, as duas começaram a colocar em prática a "herança" do esportista para a sociedade. Com o objetivo de manter os projetos que Ayrton já tocava em segredo em vida, Viviane Senna e Margareth Goldenberg fundaram o Instituto Ayrton Senna em novembro de 1994. Quase quinze anos depois, a amiga da irmã do ex-piloto de Fórmula 1 é a diretora executiva da entidade, e responde, entre outras coisas, pela organização e a promoção de eventos como o Ayrton Senna Racing Day, corrida de rua que tem como objetivo captar recursos e fortalecer a imagem da instituição.

Número do dia

R$ 500 mil

Cobrou a concessionária do Maracanã para a realização do Fla-Flu no estádio; jogo acabou transferido para Brasília.

Bradesco

Patrocinado por


Banner

Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Análise: Marcas não fogem de quem dá retorno
2Barcelona quer ‘festa’ em jogos do Camp Nou
3Chapecoense consegue valorização nos direitos de TV
4Manchester City quer ter filial no Uruguai
5Após escândalos, Brasil e Uruguai vivem momentos distintos
6Ponte usa humor e interação para crescer em rede social
7Confederação de rúgbi renova com mais um patrocinador
8Fórmula 1 lança serviço de viagem customizada
9NBA veta descanso de jogadores durante temporada regular
10Parceiros comerciais trazem troféus de Copa e da Premier League ao Brasil