“A maior parte das cidades da África do Sul não soube aproveitar o potencial da Copa”

Lars Haue-Pedersen
Foto Lars Haue-Pedersen Formado em economia pela SDU, universidade da Dinamarca, onde também fez mestrado. Lars Haue-Pedersen abriu a empresa de consultoria TSE Consulting em 2002. Nela, teve como clientes a Federação Internacional de Natação e a candidatura de Pequim para os Jogos Olímpicos de 2008, além de trabalhos para a universidade de Lausanne, na Suíça. Sua carreira no esporte começou como secretário-geral da federação de vôlei da Dinamarca. Depois, foi diretor de desenvolvimento da federação da mesma modalidade, mas dessa vez na Suíça. No país, começou sua carreira como consultor; ele foi diretor da Beaufort Sports Consulting antes de fundar a TSE.

Número do dia

10 milhões

de reais espera faturar o São Paulo com o aluguel do estádio do Morumbi para shows musicais no segundo semestre deste ano.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Adidas supera Jordan e persegue Nike em vendas de tênis nos EUA
2Neymar vende 4 mil camisas por dia desde que chegou ao PSG
3Relatório: Quase metade das franquias da NBA perde dinheiro
4COB apresenta Peak, que premiará atletas com medalhas
5Marcas esportivas apostam em celebridades no Brasil
6Nike lança novas camisas da NBA e inova com aplicativo conectado
7Guaraná Antárctica assina com Gabriel Jesus por 4 anos
8Vitória do Corinthians rende 2ª melhor audiência à Globo na temporada
9TOP 10 – Os dez clubes de maior destaque na última década
10Flamengo e Fluminense se unem por estádios próprios