“Diretor de marketing da Gillette fala sobre o patrocínio da empresa à seleção brasileira de futebol, assinado até 2010”

José Cirilo
Foto José Cirilo A carreira de José Cirilo, 35, tem profunda identificação com a Gillette. O executivo foi contratado pelo grupo em 1995, quando começou a trabalhar na Paper Made, que pertencia à marca. Em 1999, Cirilo transferiu-se para a Duracell, outra empresa do grupo. Maranhense, mas criado no Rio de Janeiro desde os dez anos, ele passou um ano em Boston (Estados Unidos) e voltou ao Brasil na temporada seguinte para atuar na fabricante de baterias. Outra mudança na carreira de Cirilo aconteceu em 2002, quando ele assumiu a gerência de marketing da Gillette. Depois disso, o executivo acompanhou várias mudanças na marca, como a venda ao grupo Procter & Gamble. Cirilo ainda foi deslocado para a Always Absorventes entre 2006 e 2007, quando assumiu a diretoria de marketing da Gillette. Apesar das mudanças, a carreira dele sempre esteve ligada ao mesmo grupo.

Número do dia

R$ 151 mi

Faturou o Palmeiras nos quatro primeiros meses deste ano; valor é R$ 39,5 milhões maior em relação a 2016.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Dono do Manchester City negocia compra time na Espanha
2Flamengo atinge metas e tenta rentabilizar redes
3Com naming right, G League tem aumento de 4 times na próxima temporada
4Globo tem melhor início de Brasileiro em mais de uma década
5Donos põem Fiorentina à venda
6Schalke 04 deixa Adidas e assina com Umbro
7Copa das Confederações perde audiência no fim de semana
8Allianz Parque terá descida de rapel da cobertura ao gramado
9Análise: Rede deve gerar mais entrega do que receita aos clubes
10Coritiba veta estádio, e Atlético sofre com evento