“Em visita ao Brasil para a Volvo Ocean Race, presidente do conselho administrativo da Puma fala sobre os planos da marca para diferentes segmentos”

Jochen Zeitz
Foto Jochen Zeitz Nascido em Mannheim, na Alemanha, Jochen Zeitz estudou finanças e marketing internacional na European Business School. Iniciou a carreira na Golgate-Palmolive, em Nova York e Hamburgo, e foi contratado pela Puma em 1990. O primeiro cargo de Zeitz na empresa alemã foi gerente administrativo de marketing no segmento de calçados. Em rápida ascensão, porém, o executivo tornou-se diretor de marketing no ano seguinte, passou pela vice-presidência de vendas e marketing internacional e chegou à presidência do conselho em 1993. Quando assumiu o conselho, aliás, Zeitz registrou um recorde. O executivo tinha 30 anos na época, tornando-se o mais jovem profissional na história da Alemanha a presidir um conselho que administra uma empresa listada na bolsa de valores. Zeitz assumiu o cargo com a responsabilidade de reestruturar a marca Puma. Em seu primeiro ano como presidente do conselho, a empresa operou com lucro pela primeira vez desde 1986. Depois, o executivo investiu em uma mudança no formato administrativo da empresa, que ampliou o investimento em pesquisas e marketing a fim de reposicionar sua marca. Em 2002, a Puma foi eleita a marca do ano em premiação feita pela revista norte-americana ?Footwear News?, especializada em calçados. No ano seguinte, ganhou prêmios das publicações alemãs "Textilwirtschaft" e ?Boerse Online?. O presidente do conselho, por sua vez, acumulou uma série de premiações desde que assumiu a direção da marca. Zeitz esteve, por exemplo, em uma lista de 25 jovens líderes que o ?Financial Times? publicou em 2004.

Número do dia

40 mil

reais foi a multa recebida pelo Flamengo pelas confusões de torcedores no jogo contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Dallas Cowboys, da NFL, é a equipe esportiva mais valiosa do mundo
2Guaraná Antárctica assina com Gabriel Jesus por 4 anos
3Nike lança novas camisas da NBA e inova com aplicativo conectado
4Análise: Estádio novo com cabeça velha não dará resultado
5Lindt faz ativação e promove encontro com Roger Federer na Suíça
6Aston Martin deve fechar patrocínio de nome da Red Bull na F1
7Atlético-MG dispensa shopping e aprova construção de estádio
8Aplicativo de inteligência artificial cria campanha de superação no esporte
9Análise: Após Rio 2016, esporte precisa se tornar sustentável
10ATP fecha patrocínio platinum com JP Morgan para ATP Finals