“Dentro do planejamento estratégico, a Sadia tem de estar associada a vida saudável, ao esporte”

Eduardo Bernstein
Foto Eduardo Bernstein Graduado em engenharia de produção pela Universidade de São Paulo (USP), Eduardo Bernstein possui especialização em administração pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Trabalhou em empresas como Maxion, Procter & Gamble e Telefonica, na qual esteve entre 2002 e 2008, quando assumiu a diretoria de marketing da Sadia. Depois que o frigorífico anunciou fusão com o principal concorrente, a Perdigão, Bernstein passou a ser diretor de marketing da Brasil Foods (BRF), com foco nas marcas Sadia, Perdigão, Qualy e Hot Pocket. Para lácteos, a BRF possui outro departamento de marketing, voltado para Batavo e Elegê. Ainda há equipes específicas para as áreas de food service e relações externas.

Número do dia

40 mil

reais foi a multa recebida pelo Flamengo pelas confusões de torcedores no jogo contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Dallas Cowboys, da NFL, é a equipe esportiva mais valiosa do mundo
2Guaraná Antárctica assina com Gabriel Jesus por 4 anos
3Nike lança novas camisas da NBA e inova com aplicativo conectado
4Análise: Estádio novo com cabeça velha não dará resultado
5Lindt faz ativação e promove encontro com Roger Federer na Suíça
6Aston Martin deve fechar patrocínio de nome da Red Bull na F1
7Atlético-MG dispensa shopping e aprova construção de estádio
8Aplicativo de inteligência artificial cria campanha de superação no esporte
9Análise: Após Rio 2016, esporte precisa se tornar sustentável
10ATP fecha patrocínio platinum com JP Morgan para ATP Finals