“O que a gente foca para cada estádio é uma preocupação ambiental e financeira”

Danilo Carvalho
Foto Danilo Carvalho Daniel Carvalho é a cabeça por trás de quatro dos doze projetos de estádios para a Copa do Mundo no Brasil. O arquiteto tem 18 anos de experiência na conceituação, desenvolvimento e gerenciamento de projetos para equipamentos esportivos como Estádios, Centros de Treinamentos, Quadras Poli-Esportivas e equipamentos para competições esportivas. Assumiu o grupo Stadia, do qual é o sócio-fundador, em 2005, após a empresa ficar nas mãos de um grupo inglês. Formado em arquitetura e pós-graduado em administração de empresas, Carvalho se especializou em estruturas esportivas, uma intimidade que começou há quase vinte anos, quando esteve presente na Secretaria e Esportes e Turismo de São Paulo. Posteriormente, trabalhou na Philips onde foi Arquiteto e Lighting Designer responsável por projetos luminotécnicos para estádios e complexos esportivos.

Número do dia

30 milhões

de dólares deve investir o governo argentino para capacitar o autódromo de Buenos Aires para poder receber uma prova da Fórmula 1.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Sem Rio Open, Asics recorre a emboscada no evento
2Novo contrato entre Ferrari e Philip Morris quer “um mundo livre do fumo”
3Bayern de Munique substitui parceria com Lufthansa por Qatar Airways
4Adidas põe 3 listras em 6 das 10 camisas mais vendidas do futebol
5Entre abertas e pagas, Brasil Open fecha com quatro emissoras
6Corinthians amplia contrato com a Nike até 2029
7Milan oficializa Puma como parceira e substituta da Adidas
8Por reputação mundial, Petrobras retorna à F1 com a McLaren
9Patrocinadores diversificam ativações no Rio Open
10Rede de fast-food argentina fecha com AFA para Copa do Mundo